VOCÊ SABIA QUE DORMIR PODE CAUSAR RUGAS?

0
Foto: (Shutterstock.com)

Saiba o que fazer para evitá-las

Como bem sabemos, dormir é uma necessidade fundamental para todas as pessoas. No entanto, talvez o que você não saiba, é que esse ato essencial para a nossa vida pode contribuir para a formação de algumas rugas.

Segundo a dermatologista, Dra. Larissa Viana, as sleep line, ou rugas do sono, são provocadas por um motivo que pode parecer estranho. A médica explica que o modo como o rosto entra em contato com as fronhas de algodão ou travesseiros permitem maior compressão da pele e isso pode levar a criação destas linhas de expressão.

“As rugas são causadas pela perda de colágeno e elasticidade, com redução do volume da pele. Entretanto, aplicar uma pressão repetida (como, por exemplo, dormir com o lado do rosto em um travesseiro) pode provocar um dano ao colágeno e promover sua quebra, o que leva eventualmente às linhas de expressão visíveis. As rugas do sono se desenvolvem conforme a posição do sono e no local de maior condensação do músculo facial”, exemplifica.

Pensando nisso, a doutora orienta que essas rugas podem ser evitadas através da posição durante o sono. A profissional enfatiza que dormir de barriga para cima pode ser ideal, no entanto, não é fácil mudar os padrões do sono. “A posição supina pode ser perfeita para a estética facial, mas pode agravar condições como apneia, refluxo gastresofágico e ronco severo. Hoje, existem almofadas que são projetadas para minimizar a deformação facial durante o sono, além de vários travesseiros visco elásticos, que exercem menor pressão contra a pele, evitando assim o afundamento da face no travesseiro e maior compressão”, ressalta.

E para finalizar, a dermatologista ressalta que a fronha também é de importância ímpar. O algodão, geralmente utilizado, é um tecido mais grosseiro e promove um maior atrito na pele, o que facilita a formação das linhas. Pois, até o atrito contra o cabelo é maior na fronha de algodão. “As fronhas de cetim ou de seda são as melhores para evitar o atrito e as linhas de expressão ao acordar”, conclui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here