VERÃO SEM DESCONFORTOS

Foto: (Shutterstock.com)

Saiba como amenizar os incômodos que aparecem no corpo

Adivinhem quem é a peça chave do verão? A água! Sim, nós sabemos o quanto é importante hidratar o corpo, porém nem sempre damos a devida atenção a isso. O aumento no consumo de água é o maior ponto de atenção, pois perde-se mais líquido por meio do suor e não repor adequadamente pode acarretar alguns problemas.

Segundo a doutora Carolina Mantelli, endocrinologista e especialista em metabologia, para manter uma boa qualidade da saúde e prevenir esses e outros incômodos é simples: basta aumentar a ingestão de água. Acontece que a maioria continua consumindo a mesma quantidade de água que no inverno, sem considerar que a perda de líquidos é bem maior no verão. O ideal é consumir 300ml em um intervalo de 2 ou 3 horas, de preferência em um horário longe das grandes refeições como almoço e jantar.

Importante aliada também, para garantir um maior conforto no verão, é a alimentação. Consumir alimentos frescos, saudáveis e pouco calóricos, compõem uma refeição mais leve e são fundamentais no auxílio do bem-estar durante essa época de temperaturas mais elevadas.

São eles:

– Saladas leves e saborosas ajudam o organismo a trabalhar melhor;

– Picolés de frutas, refrescam e são pouco calóricos;

– Água de coco, hidrata e ainda é anti fúngica;

– Grãos e sementes;

– Smoothies;

– Alho, alho-poró, cebola e cebolinha. O alho é ideal para tratar e prevenir os níveis de colesterol LDL (colesterol ruim) no sangue;

– Couve-flor, repolho, rabanete, nabo e brócolis, possuem vitamina C, magnésio, potássio, vitamina K e são fontes – de fibras;

– Abóbora e abobrinha são fontes de potássio, vitaminas do complexo B, vitamina C, ácido fólico, fibras e carboidratos;

– Pimentas contêm vitamina C, sais minerais, fibras e capsaicina, uma substância benéfica contra o colesterol ruim e ainda é super termogênica ajudando a queimar as gordurinhas;

– Alface, acelga, espinafre, couve, agrião e rúcula possuem betacaroteno, fibras, cálcio, ferro, vitamina C, vitamina K. As folhas mais escuras são as que mais concentram nutrientes;

– Morango, framboesa e amora são essencialmente ricas em fitoquímicos, como os carotenoides que agem na prevenção do câncer e fibras que ajudam a reduzir o colesterol. Além disso, são frutas com menor índice de carboidratos, não prejudicando a dieta.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA