Convida as mulheres para celebrarem o mês da Mulher

A terapeuta Cris Linnares convida todas as mulheres para celebrarem o mês da Mulher de uma forma diferente

Na verdade, Cris Linnares vai mediar quatro sessões de terapia coletiva nos dias: 8, 9, 10, 11 de março, sempre às 12h12, no seu canal do instagram (@crislinnaresoficial). Sem máscaras, sem “mimimi” e com muita verdade! Esse espaço foi criado para que a mulher possa expressar o que está realmente sentindo.

Assim, será possível rir de tudo que passou e chorar o que não chorou. Mas a ordem de Cris Linnares é para que não vá sozinha, leve com você uma das mulheres que mais ajudou você nesse processo. Aquela sua heroína, ou como alguns chamam a tal da sua “mulher maravilha”.

Psicóloga e terapeuta há mais de 20 anos, Cris Linnares defendeu por anos, assim como diversos especialistas do mundo, que o tal do complexo de “maravilha” é o culpado de todos os estresses e ansiedades da mulher. Agora, ela vai usar esse canal para pedir “desculpas” publicamente por ter criticado e tentado excluir a mulher maravilha.

Com a pandemia ela descobriu, que na verdade precisamos que ela permaneça porque ela realmente nos dá força. Mas precisamos reinventá-la! Hoje o que a nossa heroína está precisando não é de mais crítica, mas sim de compreensão. Não de mais cobrança, mas de colo. E não ser expulsa da nossa vida, mas abraçada e reconhecida! (#MeaCulpa! )

Poderes impostos

Afinal todas as mulheres aprenderam durante essa pandemia que “mulher maravilha” não é apenas um complexo que traz estresse e ansiedade, mas é um arquétipo que dá força quando ela é vista com graça. As mulheres tiveram que usar seus ultras poderes para se transformarem em professoras dos filhos, cuidadoras da casa, médicas de família e conselheiras das amigas surtadas.

Exaustas e sem tempo para serem mulheres para relaxar, para falar o que verdadeiramente sentem. Sem tempo para colocar os pés cansados para cima e a cabeça no lugar, lugar esse, que ainda não sabemos exatamente onde fica!

Ah, pandemia. Bendita você, que trouxe tantas complicações, emoções e reflexões… Trancadas com direito a “viajar” da cozinha para sala e prisioneiras nas próprias casas. Natal sem aglomeração da família, virada do ano sem fogos, e Carnaval sem festa. Lidar com perdas, problemas e planos frustrados! Aprender a navegar nesse “novo normal” sem se afundar na dor da saudade daquela vida antiga, onde máscaras faziam parte de fantasia… ufa!

Todas as mulheres precisam de um DIVÃ! Por isso, o convite é para compartilhar experiências, dores, conquistas. Compartilhar vida! Nesses encontros, as mulheres maravilha do divã, não precisam – nem deveriam – falar sobre como conseguir mais seguidores, mas como podemos nos tornar mais líderes de nós mesmas.

Ou até mesmo, dar dicas de como aumentar nossa produtividade, mas sim, será usado para aprender que a mulher pode encontrar na graça de ser maravilha/maravilhosa o equilíbrio e a paz! A ideia dos encontros é de acolhimento. Enaltecer e colocar a sua mulher maravilha no Divã. Sem tanta cobrança, esse é um papel que a sociedade já exerce sem dó nem piedade!

No Divã com Cris Linnares as mulheres vão compartilhar aprendizados de valor e respeito e redescobrirem a maravilha que é ser mulher!