Texto: Tatiana Rudigher
Foto: Divulgação

Da alegria à tristeza. A mulher está bem, de repente fica triste. Momentos depois, uma grande felicidade. Esse tipo de situação merece um alerta… Pode ser transtorno bipolar.

De acordo com especialistas, a bipolaridade é uma doença caracterizada por variações extremas do humor da pessoa intercaladas com períodos de normalidade. Ou seja, ocorrem oscilações normais como estados de alegria e tristeza ou até mesmo mudanças mais bruscas como euforia e depressão.

Muitas vezes o transtorno bipolar é confundido com alterações de humor momentâneas que podem ser causadas por dificuldades do dia a dia, mas que tendem a desaparecer assim que as dificuldades são resolvidas. O senso crítico e a capacidade de avaliação da pessoa ficam prejudicados e, com isso, ela acaba não percebendo essas alterações de humor. Por não compreender o que está acontecendo, e em casos extremos, a doença pode levar ao suicídio.

O tratamento mais indicado é feito com medicamentos e psicoterapia. Um diagnóstico verificado por um terapeuta controla as mudanças bruscas de comportamento e alivia os sintomas.

A presença da família é muito importante para ter um bom conhecimento da doença e do tratamento. Assim, o paciente se sentirá mais seguro e a sensação de apoio e compreensão serão importantes no relacionamento familiar – aumentando a possibilidade de uma vida com qualidade. O mais importante: consulte sempre um médico e busque seu equilíbrio!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here