Procedimento realizado exclusivamente por um dentista, que se não tratado corretamente, pode comprometer a estrutura do dente em questão

Restauração é um procedimento realizado com o objetivo de “restaurar” a estrutura de um dente acometido por lesão cariosa (cárie); fratura ou qualquer outro motivo que tenha levado à perda de alguma parte do dente. O procedimento restaura a forma com respeito às dimensões mais adequadas, com todos os contatos com os outros dentes, respeitando a anatomia, e quando o material utilizado permitir, a cor também é restaurada.

Quando o dentista avalia um dente comprometido, ele deve definir as causas e os motivos que levaram à necessidade de um tratamento odontológico, e qual a melhor maneira e material para restaurar corretamente o dente em questão.

Há vários materiais à disposição, como o ouro e prata utilizados largamente no passado, mas hoje com a busca por um resultado mais estético, as resinas e as cerâmicas são as mais procuradas. Na Lira Odonto utilizamos ionômero de vidro, resinas compostas, fotopolimerizáveis e com nanotecnologia, de qualidade premium, e também as melhores cerâmicas, de acordo com a necessidade de cada caso.

Um dente comprometido por cárie, trinca ou fratura, deve ser restaurado o quanto antes, pois a demora pode aumentar o prejuízo das estruturas, atingindo tecidos mais profundos, podendo gerar problemas no canal (polpa) ou danificar ainda mais a estrutura da coroa.

Quanto maior o comprometimento, maior a complexidade do tratamento, com risco maior de sensibilidade, dor e alteração na mordida, por isso não demore em procurar por ajuda!

Como é realizada uma restauração dental?

O dentista terá algumas opções de tratamento diante de um diagnóstico. A restauração poderá ser direta ou indireta. A direta é quando o dentista prepara o dente, removendo os tecidos avariados, e após a desinfecção, o dentista reconstrói o dente, esculpindo o dente com as resinas. O indireto, é preciso preparar o dente e moldá-lo ou escaneá-lo, pois a restauração será feita fora da boca, em um modelo de gesso ou  digital, e depois de pronta, será “colada” ao dente.

As restaurações podem durar anos, dependendo do material e da intensidade do uso, e diante do desgaste do uso e do tempo, as restaurações podem ser substituídas por novas. Inclusive, se você tem alguma que já não está muito boa, procure um dentista.