Contribuição remota – Como manter a produtividade trabalhando em movimento

0

Especialista dá dicas que auxiliam na organização da rotina de quem passa a maior parte do tempo trabalhando em trânsito  

A colaboração em movimento traz um novo cenário de ambiente de trabalho. Hoje, é comum encontrar executivos nos mais variados lugares – de cafés a aeroportos – com seus tablets, smartphones e notebooks em plena produção. Mas esse modelo colaborativo exige muita disciplina e foco, pois independente do local, o importante é manter a organização e os resultados em alta. A executiva Denise Freire, Gerente de Canais da Jabra, multinacional dinamarquesa referência em soluções de áudio, separou algumas dicas para facilitar o dia a dia de quem trabalha remotamente.

Organize-se

Antes de se tornar uma colaboradora remota, Denise vinha de uma realidade de trabalho interno. “O período de adaptação requer disciplina, pois a impressão que se tem, a princípio, é que não existe uma rotina a ser cumprida. A cada dia falamos com pessoas diferentes, em locais e horários diferentes, então precisamos ter uma agenda flexível para nos adaptarmos aos horários demandados pelos clientes. A dica é sempre trabalhar com uma janela de duas semanas. Dessa forma você conseguirá manter uma rotina de produtividade e não se perderá em seus afazeres”, sugere a executiva. Outra sugestão é deixar, pelo menos, um dia da semana sem reuniões externas agendadas. “Se você mora em uma cidade grande e marca várias reuniões por dia, você perderá muito tempo em trânsito, o que prejudicará a sua produtividade. Separe um dia da semana para resolver questões administrativas e pensar em estratégias. Assim seu cronograma segue um padrão, o que te ajuda na organização das tarefas”, conclui. 

Busque estratégias para potencializar o foco

Trabalhar remotamente tem muitas vantagens, mas quem tem dificuldade em se focar precisa desenvolver estratégias que estimulem a concentração. “Uma dica para quem faz home office é: prepare-se para trabalhar da mesma forma que você se prepararia se fosse trabalhar em um escritório. Levante-se, troque de roupa, evite ligar a televisão ou qualquer outro dispositivo que possa tirar a sua atenção. Alguns devices podem te ajudar nessa tarefa: os headsets com cancelamento de ruído, por exemplo, não deixarão perder o foco, além de permitirem múltiplas conectividades, o que dá mais flexibilidade para o trabalho”, explica Denise. 

Aproveite as viagens

Muitos dos profissionais que trabalham remotamente costumam viajar bastante. Visitas aos clientes e reuniões em cidades distantes demandam tempo para deslocamento, mas de acordo com Denise, com um cronograma bem planejado é possível aproveitar o tempo em trânsito. “Nas viagens de avião, por exemplo, o ideal é chegar sempre com, pelo menos, 1 hora e meia de antecedência. Além de trazer mais segurança em caso de imprevistos, você terá um tempinho a mais para trabalhar enquanto aguarda o avião, compensando, assim, o período que ficará offline durante o vôo”.

Equipe-se

Para ter a tranquilidade de poder trabalhar em qualquer lugar, é importante estar equipado. “Ter os devices certos faz toda a diferença. A tecnologia possui ferramentas incríveis capazes de manter as pessoas conectadas em quase todos os lugares, além de ajudar na concentração e produtividade. Em um aeroporto existem inúmeras distrações, mas se a pessoa estiver com um headset com cancelamento de ruído ativo, por exemplo, isso deixa de ser um problema”, diz Denise.

Mantenha uma comunicação clara e detalhada com sua equipe

A comunicação entre o profissional remoto e sua equipe é fundamental. “Quando se trabalha remoto, é muito importante manter um contato constante com seus times. Avisar quando ficará offline e por quanto tempo. Essas informações fazem com que os colegas possam programar as atividades para o período que você estará disponível”, finaliza a executiva.