O TABU DO ORGASMO FEMININO

0
(Créditos: Por Arman Novic/ Shutterstock.com)

Especialista fala de maneira clara sobre o assunto

Chegar ao orgasmo ainda é um desafio para muitas mulheres. Por questões psicológicas, sociais, culturais e até de saúde, cerca de 50% das mulheres ainda não conseguem atingir o grau máximo de prazer, o que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), é um dos quatro pilares para que a pessoa possa ter uma vida saudável.

Segundo uma pesquisa realizada pela Dra. Carmita Abdo da Universidade de São Paulo com mulheres de 18 a 25 anos, 53% delas NUNCA se masturbaram. Enquanto, em contrapartida, somente 4,2% dos homens nunca o fizeram.

Mas, por que chegar ao clímax é tão complicado? Segundo a coach de relacionamento e sexualidade, Margareth Signorelli, isso geralmente acontece porque a maioria das mulheres não conhece o próprio corpo.

“A busca pelo autoconhecimento através da masturbação é o maior passo que uma mulher pode dar para conseguir alcançar o orgasmo. Conhecendo seu corpo, ela consegue perceber quais os tipos de toques e movimentos que lhe dão prazer e, a partir daí, pode conversar com seu parceiro para que ele também saiba o que pode fazer para que ela atinja o clímax”, acrescenta a especialista.

E continua: “Para chegar ao orgasmo, a mulher precisa primeiro se conhecer e a masturbação é a forma mais fácil disso acontecer. A mulher pode se masturbar sozinha e também usar essa prática durante as relações sexuais para aumentar sua excitação e até estimular o parceiro”, explica.

Para conseguir atingir o orgasmo, Margareth dá várias dicas. A primeira é que a mulher se toque para conhecer sua anatomia e partes do corpo que funcionam como verdadeiros gatilhos para conseguir chegar ao ápice. “Nesses momentos a ginástica íntima também pode funcionar como um afrodisíaco natural para intensificar ainda mais o prazer”, revela.

Durante a relação, a especialista em sexualidade sugere que o casal use várias posições até encontrar quais são as que proporcionam mais prazer.  “Escolher a posição correta pode significar a diferença entre a mulher cruzar a linha de chegada ou acabar frustrada”, orienta.

Para que as mulheres saibam o que podem fazer para alcançar o prazer sexual, Margareth irá promover no dia 09 de maio, às 20h, uma aula online gratuita online onde abordará temas como autoconhecimento, quais as melhores posições, além de dar dicas de como apimentar a relação e aumentar a intensidade do desejo.  Para participar, basta fazer a inscrição clicando aqui.